Louis Dreyfus adquire nova unidade de processamento de caroço de algodão

04/10 – 14:51
Empresa assume unidade em Itumbiara (GO) e torna-se líder no segmento

A Louis Dreyfus Commodities (LDC) anuncia a aquisição da unidade de processamento de caroço de algodão do Grupo Maeda, controlada pela Brasil Ecodiesel. Com o negócio, a empresa torna-se líder no Brasil neste segmento, com 12% do mercado e processamento de 300 mil toneladas/ano. O investimento é de R$ 40 milhões, podendo chegar a R$ 60 milhões, de acordo com a performance da unidade nos próximos dois anos.

A empresa tem longa trajetória nessa atividade, tanto na comercialização do algodão em pluma, como em seu processamento. Há mais de 63 anos opera uma unidade similar em Paraguaçu Paulista (SP), com produção média de 140 mil toneladas/ano. “As sinergias das duas unidades fortalecem, ainda mais, a base produtiva da LDC, com vistas a atender, principalmente, a demanda interna”, afirma André Roth, diretor de Grãos e Oleaginosas da LDC.

Segundo ele, a aquisição da unidade em Itumbiara, Goiás, demonstra a perspectiva da companhia na expansão da safra desta commodity no Brasil, com produtores locais extremamente eficientes no campo, aliada à crescente capacitação tecnológica. Desta forma, este investimento estará adequado para acompanhar o crescimento sustentável deste mercado.

A aquisição representa também mais um passo da empresa para estreitar seu relacionamento com o campo. “Queremos ser a melhor opção para os produtores, oferecendo instrumentos de originação para a variedade de produtos com os quais a companhia atua”, acrescenta Roth.

A transação é estratégica também do ponto de vista geográfico. “Essa é uma oportunidade de negócio para ampliarmos a nossa capacidade de esmagamento no Brasil, especialmente na região Centro-Oeste, que é responsável por cerca de 60% da produção nacional de algodão”, completa Roth.

A nova unidade de processamento, que passa a ser operada pela LDC a partir de 1º de novembro, tem capacidade de produção total de 160 mil toneladas/ano e produz farelo de algodão, óleo branqueado e línter.

Agrolink com informações de assessoria.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: